8 dicas para fotografar Fogos de Artifício

© Jorge Costa - Fireworks...
© Jorge Costa – Fireworks…

Com os Santos Populares
Há Fogos de Artifício no ar.
Mas é com o Blog Olhares,
Que vais aprender a fotografar!

Prepara-te para a época dos Santos Populares e Bailaricos e sai à rua para fotografar os impressionantes Fogos de Artifício em honra dos Santos. Lê as nossas dicas e aproveita as oportunidades para tirar excelentes fotografias dos fogos.

 

Dica #1

Sai do modo automático e fotografa em modo manual alterando as variáveis como por exemplo a abertura, velocidade do obturador e ISO e desta forma terás mais controlo. Lembra-te, quanto maior o tempo de exposição, mais “rastos” de luz conseguirás capturar.

Dica #2

Desliga o flash, não irás precisar dele para fotografar à noite. Caso te esqueças de desligar o flash, a luz vai ressaltar a fumaça dos fogos e não os raios coloridos espalhados pelo céu.

Dica #3

Devido à pouca luz a utilização de tripé é extremamente importante. Enquanto fotografas o fogo a tua câmara não se pode mexer para que as imagens não fiquem “tremidas”. Caso não tenhas tripé podes utilizar uma mesa ou muro para deixares a tua câmara imóvel durante o tempo de captura. Atenção que esta regra tem que ser utilizada para situações de longas exposições. (Vê as nossas dicas de como fotografar à noite aqui.)

Dica #4

Utiliza o modo de disparo contínuo, com este modo conseguirás a fotografia certa, mesmo que o fogo de artifício exploda momentos antes ou depois do esperado. Assim terás os momentos certos de cada fogo de artifício.

Dica #5

Poderás utilizar o modo “Bulb” que permite que controles exatamente quando o obturador abre e fecha, desta forma poderás criar uma exposição longa e capturar detalhadamente o fogo de artifício (também é muito útil para fotografar relâmpagos). O Modo Bulb permite, de forma manual, manter o obturador aberto durante mais tempo, fazendo com que mais luz chegue ao sensor.

Dica #6

Utiliza um filtro de Densidade Neutra (ND). Estes filtros servem para quando existe muita luz no ambiente e queremos fazer um disparo muito longo, por outras palavras, é como se fossem “óculos de sol” na frente da objetiva. (Sabe mais sobre os filtros de Densidade Neutra aqui.)

Dica #7

Define um ISO baixo para fotografar fogos de artifício, por exemplo entre o ISO 100 e 200. Lembra-te quanto maior o ISO, mais ruído você terás na imagem e não é isso que pretendes. Utiliza as aberturas entre 5.6 e 8 para controlares as faixas de luz do Fogo, se fechares mais o diafragma fará com que essas faixas de luz fiquem mais finas, e ao abrires fará com que essas faixas fiquem mais largas e possivelmente sobreexpostas.

Dica #8

Não basta seguires todas as dicas que te demos, tens que pensar num bom local e na composição que queres para teres uma boa fotografia. Evita fotografar os fogos que estejam por cima da tua cabeça e tenta fotografar quando o fogo está à tua frente. Um conselho utiliza as pessoas que se encontram à tua volta para compor a cena.

Sai à rua, diverte-te durante a noite dos Santos e mostra-nos o resultado final em Olhares.com