CBRE -Três portugueses entre os melhores fotógrafos urbanos do ano!

A CBRE divulga hoje os vencedores do concurso Urban Photographer of the Year 2015. Oscar Rialubin, order das Filipinas, foi o vencedor da edição deste ano. Entre os premiados há três portugueses, Diogo Miguel Carvalho Gonçalves, Luís Sarmento e Marcos Sobral.


Três portugueses destacam-se entre 21 mil participações!

 

O concurso promovido pela CBRE desde 2006 conta com a participação de fotógrafos amadores e profissionais, que têm como desafio captar a essência do ambiente urbano através do tema ‘Cities at Work’. Na edição deste ano foram aceites inscrições de todo o mundo, atraindo mais de 21 mil participações, de 113 países.

Oscar Rialubin, das Filipinas, foi o vencedor do Urban Photographer Of The Year 2015, competindo com a imagem “Xyclops”, uma fotografia que mostra um relojoeiro no seu trabalho em Doha, no Qatar. O primeiro prémio é uma luxuosa viagem com destino à escolha.

"Xyclops”, o retrato de um relojoeiro em Doha, no Qatar, ganhou o primeiro prémio da competição
“Xyclops”, o retrato de um relojoeiro em Doha, no Qatar, ganhou o primeiro prémio da competição

 

O concurso premeia também os melhores fotógrafos a nível regional e as 24 fotografias que se destacaram representando cada hora do dia. Pela primeira vez, a competição de 2015 incluí a categoria móvel e a categoria para crianças e jovens adultos com idades entre os 13 e os 25 anos.

 

O prémio para a região EMEA (Europa, o Médio Oriente e África) foi entregue a Armen Dolukhanyan com a fotografia “Casal de Polícias”, que retrata um jovem casal, ambos polícias, numa pausa, na Ucrânia.

"Casal de Polícias”, o retrato de um jovem casal, ambos polícias, na Ucrânia, venceu a categoria regional "EMEA (Europa, o Médio Oriente e África)"
“Casal de Polícias”, o retrato de um jovem casal, ambos polícias, na Ucrânia, venceu a categoria regional “EMEA (Europa, o Médio Oriente e África)”

 

Em Portugal foram atribuídos três prémios: Luís Sarmento (autor Olhares) recebeu o prémio das 18h00, com a fotografia “O Som da Solidão”, que retrata um homem desempregado, num túnel, a tocar acordeão para sobreviver, em Belém, Lisboa; Marcos Sobral, venceu a fotografia das 23h00, com a imagem “Oriental Fast Food” de um homem a vender vários tipos de insetos e outros animais, tais como escorpiões e larvas cozidos e espetados numa pequena vara de madeira, em Beijing, China; e Diogo Miguel Carvalho Gonçalves, recebeu o prémio da categoria de jovens entre os 13 e os 15 anos, com a imagem “Esperando pelo trabalho”, uma fotografia da Madeira que retrata um grupo de carreiros à espera de turistas para os carros de cesto.

“O Som da Solidão”, tirada por Luís Sarmento, em Lisboa, foi vencedora da categoria das "18h00"
“O Som da Solidão”, tirada por Luís Sarmento, em Lisboa, foi vencedora da categoria das “18h00″

 

"Oriental Fast Food", vencedora da categoria "23h00", foi tirada por Marcos Sobral em Pequim, na China
“Oriental Fast Food”, vencedora da categoria “23h00″, foi tirada por Marcos Sobral em Pequim, na China

 

“Esperando pelo trabalho”, vencedora da categoria de "jovens entre os 13 e os 15 anos", a fotografia de Diogo Gonçalves foi tirada na Madeira
“Esperando pelo trabalho”, vencedora da categoria de “jovens entre os 13 e os 15 anos”, a fotografia de Diogo Gonçalves foi tirada na Madeira

 

Martin Samworth, Chief Executive Officer da CBRE EMEA, refere: “A competição oferece constantemente novas perspetivas sobre os ambientes de trabalho nas cidades. Este ano não foi exceção e a fotografia de Rialubin, um retrato íntimo de um relojoeiro, transmite-nos a visão do comércio universal. A vida urbana está em constante mutação e a beleza deste concurso é capturá-la, a cada ano, através das fotografias. Em 2015, a adesão a esta competição foi a maior e a mais bem-sucedida até à data, mas não se perdeu o principal objetivo, que é captar os pormenores da vida quotidiana e que tornam este concurso tão especial.”.

Sobre o Grupo CBRE

O Grupo CBRE (NYSE:CBG), um empresa classificada na Fortune 500 e S&P 500, está sediada em Los Angeles e é líder mundial nos serviços imobiliários e de investimento (dados relativos à receita de 2014). A empresa possui mais de 52,000 colaboradores (excluindo empresas afiliadas) e desenvolve a sua atividade para ocupantes, investidores e promotores imobiliários em mais 370 escritórios (excluindo empresas afiliadas) em todo o mundo. A CBRE oferece aconselhamento estratégico e execução para venda e arrendamento de propriedades; serviços corporativos, gestão de projetos, instalações e propriedades; hipoteca bancária; apreciação e avaliação; serviços de desenvolvimento, gestão do investimento; pesquisa e consultoria. Para mais informações, visite o nosso sítio www.cbre.pt.