Interfoto 2019 atrai fotógrafos de diversas regiões do Brasil

Interfoto 2019 atrai fotógrafos de diversas regiões do Brasil

Festival teve como temática a fotografia de rua, pessoas e arquitetura; cerca de 130 fotógrafos expuseram seus trabalhos nos 4 dias do evento

Realizado de 18 a 21 de julho, em Itu (interior paulista), o Interfoto 2019 atraiu apaixonados por fotografia, amadores, iniciantes e profissionais de diversas partes do país durante os quatro dias de evento. Além dos ituanos, juntaram-se ao grupo de participantes desta edição pessoas de Salto, Sorocaba, Campinas, Indaiatuba, Jundiaí, São Paulo, São Carlos, Amparo, Analândia, Niterói, Rio de Janeiro, Belém do Pará, Salvador, Fortaleza, Curitiba e Florianópolis. Houve também a presença do fotógrafo convidado Mário Macilau de Moçambique.

O carioca e professor de história Márcio de Oliveira, que veio ao festival pela primeira vez, foi um desses participantes. Ele, que já esteve em outros festivais, contou sobre a experiência nos quatro dias do Interfoto: “O Interfoto é diferente dos outros que estive. É mais próximo das pessoas e direcionado para todos estilos e também para amadores. Gostei muito das palestras com André Oliveira e o Glauco Tavares. Foi sensacional”.

A também estreante no festival e professora de história Edna da Costa, de São Paulo, participou das atividades de sexta, sábado e domingo e compartilhou sobre o que mais a agradou: “Adorei! Pra mim, foi uma overdose de fotografia. Gostei muito da palestra do Felipe Paiva, que ele mostrou bem a relação humana, com quem você vai fotografar. O lambe-lambe, fantástico! Ver minha foto na parede foi emocionante”.

A fotógrafa jundiaiense Cléo De Martino Mota, que pode estar no festival somente no domingo, afirmou ter achado o evento incrível: “É uma imersão, não é só fotografia. Participei da caminhada para mulheres e é uma reflexão, que vira poesia e que vira fotografia. É muito bom saber que existe esse tipo de evento. Achei incrível! A qualidade da impressão das fotos é maravilhosa”.

Quem também comentou sobre a importância da realização deste tipo de evento foi o jornalista e fotógrafo André Luís Ferreira, morador de São Carlos, que participou do festival pela segunda vez: “O Interfoto cresceu, está com mais atividades, exposições mais completas, com mais gente expondo. O local (Fábrica São Luiz) é muito interessante e a estrutura melhorou para receber o pessoal. O festival em si é super importante e quanto mais a gente conseguir fomentar a fotografia, trazer esse pessoal novo e misturar com o mais experiente é uma vitória”.

A curadoria de Marcos Varanda foi muito elogiada por todos, com uma exposição completa e impressionante pela qualidade das imagens selecionadas por ele.

Organização – Não foram somente os participantes do festival que ficaram satisfeitos com o evento. A organização, coordenada por Carlos Marien, também avaliou o festival positivamente: “Sem dúvida alguma, essa foi uma das edições mais intensas, pois proporcionou de forma de forma democrática e participativa o encontro de fotógrafos e amantes dessa arte! Agradeço em especial, ao nosso curador Marcos Varanda, que reuniu grandes fotógrafos na maior exposição coletiva do interior do estado de São Paulo! Isso nos incentiva a preparar o próximo com mais carinho, possibilidades reunindo talento, amor e fotografia num grande evento. Agradecemos imensamente os colaboradores, parceiros e participantes”.

Atividades – Uma extensa programação com palestras, oficinas, mesa de debates, varal fotográfico, caminhadas fotográficas e exposições foram realizadas durante o festival. Estima-se que cerca de 800 pessoas tenham participado delas e que 3000 pessoas tenham prestigiado o evento.

A maioria das atividades ocorreu na Fábrica São Luiz, porém outros locais da cidade também foram utilizados como a Fundação Marcos Amaro, Museu da Energia e Largo Bom Jesus.

Nesta edição, o festival foi contemplado pelo ProAC (Programa de Ação Cultural do Governo do Estado de São Paulo) e conta novamente com o patrocínio da Canon, Canson, Antares Imagens, Kodak e Fujifilm. Há também apoio de diversas empresas regionais.

Interfoto 2020 – Os planos e projetos para a próxima edição do festival começam ainda neste ano: “Para 2020 as pessoas e amantes da fotografia podem esperar uma curadoria e um tema pra lá de especial. Aguardem!”, finalizou Marien.