Museu Calouste Gulbenkian no Google Cultural Institute

Exposição e visitas virtuais

phpThumb_generated_thumbnail

O Google Cultural Institute passa a incluir uma exposição virtual de obras do Museu Calouste Gulbenkian.    

Do Museu Calouste Gulbenkian, viagra click a exposição que passa a integrar o Google Cultural Institute é composta por obras de diferentes tipologias e períodos artísticos desde a Antiguidade Oriental e Clássica até à Arte Europeia dos princípios do século XX. Destacam-se a secção de Arte Egípcia, produções da Pérsia, da Turquia e do Extremo Oriente, artes decorativas francesas dos séculos XVII e XVIII, pintura e escultura de importantes artistas europeus do século XV ao século XX e ainda, um núcleo dedicado ao joalheiro francês René Lalique.
“As visitas virtuais não substituem as visitas reais aos espaços, mas a tecnologia pode abrir novos horizontes e incrementar o conhecimento pela cultura a todas as pessoas, o que se transforma em algo realmente poderoso”, explica Amit Sood, diretor do Google Cultural Institute.
Há cinco anos, o Google Cultural Institute dava os seus primeiros passos através de uma parceria com 17 museus dando a conhecer ao mundo e de forma virtual algumas centenas de obras de arte. Agora, com esta iniciativa, mais de 1000 museus e instituições culturais abrem as suas portas online de forma a partilharem as suas exposições com milhões de pessoas pelo mundo.

O Museu Calouste Gulbenkian no Google Cultural Institute

Coleção:

www.google.com/culturalinstitute/collection/fundação-calouste-gulbenkian

 

Exposição:

www.google.com/culturalinstitute/exhibit/calouste-gulbenkian-collection

 

Vista do Museu Calouste Gulbenkian:

www.google.com/culturalinstitute/asset-viewer/calouste-gulbenkian-museum