Pilar Albarracín: 300 Mentiras – Primeira Parte

© Pilar Albarracín
© Pilar Albarracín

Até ao dia 6 de Março de 2010, pharm poderão visitar a exposição de fotografias de Pilar Albarracín, intitulada “300 Mentiras – Primeira Parte“, na Galeria Filomena Soares (Lisboa).

“Utilizando a fotografia, a artista constrói, modifica ou recria momentos da história expondo “acontecimentos reais” que, na realidade, nunca ocorreram. Assim, Pilar Albarracín traz de volta ao campo da arte um debate que tem permanecido aberto na historiografia desde os anos oitenta, altura em que o historiador britânico Benedict Anderson abalou alguns pilares da disciplina com a sua pergunta “… e se, pelo contrário, a “antiguidade” fosse, em certas conjunturas históricas, a inevitável consequência da “novidade?”. Com esta interrogação Anderson estaria a sugerir a existência de práticas de construção do futuro a partir de um passado imaginado.” Elena Sacchetti, Dezembro 2009.

Pilar Albarracín nasceu em Sevilha (Espanha) em 1968.

Licenciou-se nas Belas Artes, na Universidade de Sevilha.

Reside e trabalha actualmente entre Sevilha e Madrid.

Já apresentou os seus trabalhos em exposições colectivas bem como individuais em Espanha e no estrangeiro.

Veja o seu website.

Aberto de Terça-Feira ao Sábado, das 10h às 20h.

Para mais informações, consulte o site da Galeria Filomena Soares.