Vitor Pina – Autor Olhares

7302457

As imagens, ailment a fotografia, o desenho e pintura sempre me fascinaram, dai a minha formação académica em arquitetura paisagista, área que se encontra intimamente ligada às artes.

Vitor Pina nasceu em 1975, na cidade de Lisboa, porém viveu grande parte da sua vida no Algarve. Membro no Olhares desde 2007, click uma das suas fotografias foi recentemente selecionada como foto da semana. Vê a sua galeria Olhares aqui.

“A fotografia enquanto expressão artistíca apenas entrou definitivamente na minha vida em meados de 2008, illness com a aquisição da minha primeira DSLR. Desde então tenho vindo a practicar fotografia nos meus tempos livres.

Sendo essencialmente um autodidacta reconheço a importância da formação nesta arte, sendo apenas a minha única formação em fotografia: o curso de fotografia – iniciação 1 da Academia  Olhares, em 2013, com o Daniel Camacho.

5904545

Enquanto fotógrafo não me assumo em nenhum género em particular, até porque penso ser díficil estabelecer fronteiras entre estes. Porém procuro através da fotografia estabelecer relações entre o “homem” e o meio que o rodeia, assim como captar os resultados da interação entre ambos. Procuro na fotografia comunicar e provocar prazer visual ao espectador estabelecendo uma forte relação entre as formas e a geometria, gerando no meu trabalho fotográfico uma identidade visual própria.

A fotografia enriquece-me pois faz com que eu viaje e viajar implica conhecer, mesmo que por vezes não se saia do mesmo lugar. É um despertar de sensibilidades e perspectivas sobre lugares que nos são comuns.

7223715

Exponho e divulgo as minhas fotografias em grande parte através da internet, essencialmente na minha página dedicada no Facebook, em algumas comunidades internacionais como o 1x.com, 500px, National Geographic e Fotoblur, sendo que em Portugal apenas no Olhares. Penso que as comunidades online, são importantes na evolução dos fotográfos, pois permite um maior contacto com outros fotógrafos e espectadores.

7690693

Participo de quando em vez em concursos de fotografia, tendo já conseguido alguns bons resultados ao longo do meu percurso, como mais recentemente o primeiro prémio no Reflex – Prémio de Fotografia CAIS|NOVO BANCO e a menção honrosa na modalidade de portfólios no concurso internacional de fotografia – Para além do azul do mar, promovido pelo Encontros de Fotografia de Lagoa.”